Castração é a melhor escolha?

Essa é uma pergunta das mais comuns de se ouvir em rodas de conversa e na clínica veterinária, principalmente na atualidade. Esse tema é bastante polêmico, pois existem muitas opiniões divergentes, envolvendo a emoção dos tutores de animais domésticos. Muitos afirmam que não permitem a castração por pena do animal, que passará por uma mesa cirúrgica e outros, por sua vez, não querem pelo custo que irão ter com a cirurgia e os medicamentos que o médico veterinário irá passar. Entretanto, muitos não permitem a castração e, quando não querem mais o animal, o abandonam na rua, fazendo com que cresça a população canina e colocando a sociedade em risco, devido às zoonoses (doenças transmitidas do animal para o homem).

Existem muitas lendas em torno da castração dos cães. É importante que se esclareçam algumas delas, como:

– É necessário ao cão ou à cadela  ter, pelo menos,  uma cria na sua vida?

Essa pergunta é uma das mais freqüentes, tendo a resposta NÃO! Os cães não precisam ter cria para serem castrados. Isso dependerá se o tutor quer que seu cão tenha uma ninhada ou não.

– A castração é uma cirurgia dolorosa?

A resposta é NÂO. A castração é feita com todo o aparato cirúrgico e é usado anestésico potente para esse feito. Mesmo durante o procedimento e o pós-cirúrgico, os animais recebem remédios para evitar ao máximo a dor.

– Preço da castração

Outros tutores se preocupam com o preço da castração, principalmente da fêmea. A castração sai muito mais em conta do que administrar anticoncepcional nos pets. O anticoncepcional além de ter um custo rotineiro, ou seja, sempre irá ter aquele gasto fixo, pode causar sérios danos aos animais, ocorrendo tumores mamários e infecções uterinas. Isso faz com que o tutor gaste o triplo no tratamento que, muitas vezes, dependendo do grau da doença, pode levar  à morte do animal.

– Benefícios da castração em cães

Ao contrário do anticoncepcional, a castração tem inúmeros benefícios para o dono e para o cão. Quando se faz a castração, reduz-se completamente o risco de câncer testicular, no caso dos machos, e dos tumores ovarianos, uterinos e de mama nas cadelas. Interrompe-se os ciclos estrais (cio) nas cadelas, e muitos machos deixam de marcar território, como antes. Outro ponto benéfico é que o  animal pode ser criado junto de machos e fêmeas, sem precisar tomar remédios. Nos casos do macho, ainda evita doenças na próstata. Grande parte dos tutores que castraram seus cães, afirmaram que o temperamento melhorou de forma significativa, tornando-os mais dóceis e amorosos.

Sempre que optar em ter um cão e não tiver a intenção em reproduzir, castre-o imediatamente. Como foi dito anteriormente, evita de forma significante doenças relacionadas ao sistema reprodutor. É mais válido gastar uma vez só com a castração, do que correr o risco do animal adoecer e vir à óbito. Leve-o para uma consulta com um médico veterinário de sua confiança, e tire todas suas dúvidas sobre a castração. Uma castração pode salvar a vida do seu animal.

Fonte: http://portaldodog.com.br/cachorros/saude/castracao-e-melhor-escolha/